Últimos Artigos >

Auto Estima

Auto-Estima, segundo a concepção da psicologia, significa valorização de si mesmo, amor próprio, ou seja, auto-respeito e disposição interna para lidar com os problemas do dia-a-dia por piores que eles possam parecer.

Nossa atual realidade não favorece uma auto-estima positiva, tendo em vista a situação econômica do país, a falta de emprego, de segurança, ou seja, do mínimo que se necessita para manter uma situação emocional pelo menos confortável; é por esses e outros motivos, que se encontram hoje em dia, tantas pessoas com baixa auto-estima, gerando com isso uma sociedade cada vez mais problemática e violenta. O pior disso tudo é que as pessoas se esquecem de que também são seres espirituais, e que quando surgem obstáculos em suas vidas, é sempre para seu aperfeiçoamento moral; portanto, a disposição para lidar com esses obstáculos deve ser de força e confiança de que vai superá-los. Ao invés disso, o que se sobressai é o desânimo e a falta de fé, pois vêem tudo pelo lado material, onde o que importa mais é o ter, e o que é passado pelos meios de comunicação é que você só vale pelo que tem.

Essa imagem materialista que nos é passada, em que o ter é mais importante do que o ser, é a responsável pela maioria das guerras que já tivemos até hoje e que ainda continuamos a ter.
Todos nós somos obras do meio em que vivemos, da sociedade, da cultura, dos valores e das crenças que nos são introjetados desde a infância. Uma vez instaladas essas crenças, alterá-las ou mesmo nos livrarmos delas dá muito trabalho, pois se tornam inconscientes, ou seja, mesmo que não pensemos nelas, agimos de acordo, uma vez que o nosso inconsciente age por si próprio.

Necessitamos mais do que nunca hoje, mudar os nossos valores e crenças, para que possamos mudar a nossa realidade e, automaticamente, melhorar nossa auto-estima.
A mudança de valores ao contrário do que parece, não é tão difícil; porém, requer muita disponibilidade e vontade de melhorar e o principal, não depende de condição financeira, pois é um mecanismo interno.
Para que possamos ter uma auto-estima positiva, necessitamos primeiramente conhecer a nós mesmos, termos contato com os nossos defeitos e principalmente, querer melhorá-los; para isso, precisamos ter em vista que os nossos defeitos não são aqueles que nos incomodam e sim, o que incomoda os outros. É importante salientar que, como seres humanos, não temos somente defeitos, mas também possuímos muitas qualidades, as quais devemos valorizar em nós mesmos, pois quando valorizamos aquilo que sabemos fazer bem, é o primeiro passo para a melhora da auto-estima.

Nossa auto-estima deve ser cultivada no nosso cotidiano, através do pensamento positivo e da crença de que o amanhã será melhor, trazendo nova luz para que os problemas possam ser resolvidos. Para isso, devemos nos valer da verdade de que por pior que seja o nosso problema, Deus não nos desampara, ou seja, sempre coloca uma luz em nosso caminho. Essa luz pode ser um filho, que nos faz ver que vale a pena continuar lutando, ou um vizinho que vem nos oferecer ajuda de uma coisa que estamos precisando, ou até de um amigo ou parente que de repente aparece para saber como estamos.

É sempre importante lutar para conseguirmos melhorar nossa situação, mesmo que às vezes nos achemos impotentes e fracos; nesse momento devemos olhar para trás para vermos que exitem problemas piores que os nossos; basta ver, por exemplo, a situação dos países em guerra, onde você pode a qualquer momento, ser alvo de algum ataque, não tendo nenhum minuto de paz.

Nunca devemos culpar as pessoas pelos nossos problemas; devemos nos responsabilizar por eles e pensar em como podemos superá-los, procurando quem possa nos ajudar a melhorar nossas condições, ou seja, nos aperfeiçoar. Nunca devemos perder nenhuma oportunidade de aperfeiçoamento profissional e pessoal.
Sempre devemos lembrar que todos nós temos um campo energético em que refletimos o que estamos sentindo sem precisar dizer nada; nesse sentido, se temos um pensamento positivo e de respeito em relação a nós mesmos, automaticamente nosso campo energético emite ondas positivas, exigindo por assim dizer, o respeito das pessoas; por outro lado, se emitimos ondas de negativismo e desrespeito de nós mesmos, permitimos que as pessoas nos desrespeitem, abusem e nos explorem, agindo como se isso fosse o mais natural a fazer pois inconscientemente, é o que estamos transmitindo.
Lembremos sempre que as pessoas vão nos avaliar de acordo com a avaliação que fazemos de nós mesmos, portanto, somos aquilo que acreditamos ser, e se não estamos satisfeitos com o que somos, devemos nos reprogramar para que melhoremos nossas condições internas.

Sobre o C.E. Seareiros de Jesus

Centro Espírita Seareiros de Jesus Rua. Silvino Bonassi, 150 – Nova Americana / Cep: 13466-080 – Americana – São Paulo Tel 19 3407-4552 / E-mail: seareiros@seareirosdejesus.com.br

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Scroll To Top